November 1, 2019

August 25, 2019

Please reload

Posts Recentes

60 perguntas sobre o Terço dos Homens

November 1, 2019

1/2
Please reload

Posts Em Destaque

Em busca da liberdade interior com o Pai

October 28, 2018

 

“Vou lhes contar como o Pai me ensinou a discernir para tomar uma decisão válida. São cinco elementos…”.

 

Assim Ir. M. Petra Schnuerer começa narrando uma das muitas experiência que guarda dos três anos em que foi secretaria do Pai e Fundador, Pe. José Kentenich, durante os anos do exílio em Milwaukee/EUA.

Para ajudá-la a decidir-se livremente sobre um ato, o Pai a acompanhou numa experiência, que ela recorda:

 

Ele disse: ‘Vamos fazer uma coisa, parece que você sabe o que quer, mas não sabe o que Deus quer’. Ele me deu uma folha de papel em branco e dobrou-a ao meio. Então abriu a mesma e seguiu dizendo: ‘Olhe, aqui há um lado esquerdo e um lado direito. Bom, no lado esquerdo você escreverá, muito honestamente, todas as razões a favor de seu plano, mas com muita sinceridade. Então depois seguirá com o lado direito e vai escrever todas as razões contrárias ao seu plano, também de maneira bem sincera. Mais tarde falaremos do assunto. Você sabe o que quer, mas não sabe o que Deus quer, então agora lhe daremos a oportunidade de que Ele nos diga o que quer. Não falaremos mais nisso, rezaremos muito e você dormirá três noites, pensará muito e depois de três dias voltaremos a falar do assunto’.
Assim foi e depois de três dias ele me fez perguntas sobre tudo que é imaginável”.

 

Algum tempo depois, Ir. M. Petra questionou o Pai e Fundador sobre esse processo de discernimento, sobre os passos necessários para se chegar a uma conclusão livre e autêntica. Ela conta:

 

Há cinco passos, um para cada dedo da mão. São fáceis de recordar e são os seguintes:

1. Tem que ter um impulso, um desejo do coração ou uma necessidade, algo que inicie um processo;
2. Uma visão realista da situação concreta. Não ficar “nas nuvens”, porque é aqui que se demonstra a vontade de Deus.
3. Três dias de silêncio sobre o assunto. Dormir três noites (é interessante, quem sabe um pouco de psicologia entende o porquê). Rezar e pensar muito.
4. Depois de três dias, conversar com uma pessoa madura, de confiança.
5. Tomar a decisão livremente e, conhecendo todos os lados, estar disposto a assumir todas as suas consequências.

Essa é a mentalidade do Pai, que quer educar personalidades com capacidade de decidir-se e não atuar simplesmente pelo impulso do coração.

 

 

Fonte: Milwaukee – Um momento Culminante na Fundação de Schoenstatt – Conferências da Ir. Petra no Chile – Abril de 2003. Editorial Schoenstatt. Santiago/Chile. 1ª edição.

Share on Facebook
Share on Twitter
Please reload

Siga
Please reload

Procurar por tags
Please reload

Arquivo
  • Facebook Basic Square
© 2017 Terço dos Homens Mãe Rainha
  • Flickr Social Icon
  • Instagram ícone social